quarta-feira, 24 de junho de 2009

PLANTAR PARA CURAR

Amigos, Trouxe para esse cantinho, o resultado de um estudo das plantas medicinais feito com a comunidade indígena Potiguara da Aldeia Forte, na Paraíba. O trabalho foi dinamizado pelo estudante de Etnobotânica, Xavier Gegout. As crianças participaram com uma alegria sem par. Quero compartilhar esse contentamento também meu, acreditando que o livro representa um passo na restauração da memória dessas comunidades que estão perdendo seus conhecimentos originais. Trata-se de uma pequena edição, 335 exemplares, sendo 255 destinados aos moradores da aldeia e às bibliotecas das escolas públicas locais. São apenas 80 livros disponíveis pra venda, portanto não vai pra livraria. O resultado será destinado à construção da sede da Toré Forte - Associação Cultural Indígena Potiguara- realizadora do projeto. Existem diversos projetos que estão dependendo da conclusão da sede, pois a aldeia não dispõe de espaço para aglutinar os moradores em atividades culturais. Uma realidade que eles querem mudar.Os amigos que desejarem obter o exemplar, queiram nos contatar. Tenho estado longe dos blogs, ocupada com diversos assuntos que não cabem na internet, por isso desculpem as ausências. E obrigada pela paciência e atenção. Contato: itajacianapotiguara2009@yahoo.com.br

7 comentários:

Nasrudin Hodja disse...

O livro está lindo, "caprichado", assim como tudo que faz a nossa amiga Severa. Parabéns!

olhodopombo disse...

Ceci,
estou interessada no livro....
estou interessada na cultura indigena...

Jota Effe Esse disse...

Bons tempos aqueles em que se plantava para curar o corpo da fome ou das doenças, porque hoje em dia só vemos gente plantando para enriquecer à custa de seus semelhantes, mas eis que uma exceção a regra vem à tona e pode servir de exemplo. Meu beijo.

Fanzine Episódio Cultural disse...

O Episódio Cultural é um fanzine bimestral (2 mil exemplares), distribuído gratuitamente na região sul de Minas Gerais. Segundo o editor, Carlos Roberto de Souza, o objetivo é divulgar todas as manifestações culturais e as pessoas (profissionais ou não) que nelas atuam gratuitamente:
Poemas, contos, livros, escritores, cinema, teatro, esporte, moda, folclore, Artes Plásticas, grafiti, música, bandas, curiosidade, turismo... Entre em contato e participe...Divulguem-se!

Contatos;
Carlos (editor)
(35) 3295-6106 (Machado-MG)
machadocultural@gmail.com
http://www.fanzineepisodiocultural.blogspot.com
www.myspace.com/tarokid2003

L. Rafael Nolli disse...

Muito bacana esse livro. Taí um assunto muito interessante que merecia uma historiografia mais vasta! Gostei.

Claudinha ੴ disse...

Querida Ceci. Saudadedocê!
Minha escolha profissional (farmacêutica industrial) veio dos momentos ímpares com minha bisavó (descendente tupi-guarani) em colher ervas em seu quintal, nas horas certas do dia e ainda as partes das plantas em determinadas épocas do ano. Me encantava a sabedoria dela. Vejo este livro como um tesouro e vou procurar conehcê-lo. A farmacognosia me encanta. A natureza também!
Beijos! Adorei o post! Parabéns a todos pelo trabalho.

Ceci disse...

Primeiramente, obrigada aos amigos pelos comentários, verdadeiro estímulo!
Aos que se interessarem pelo livro, podem enviar uma mensagem para o email:

itajacianapotiguara2009@yahoo.com.br

pois se trata de uma pequena edição, temos alguns livros para vender, R$ 20,00 mais despesa de correio

Meu abraço, pedindo desculpas por demorar a responder