sábado, 9 de fevereiro de 2008

SAUDADE

Aos amigos blogueiros, viajantes do tempo. *************
A SAUDADE BATE FORTE,*
TANTA POESIA AUSENTE *
TANTO CARINHO CALADO*
NO CORAÇÃO *
OS AMIGOS PARTIRAM,*
CADA UM COM SUA CANÇÃO*
ESTRELA E MELODIA...*
ONDE ACHAR A POESIA*
DA AMIZADE...*
O CALOR DOS POEMAS,
NAS NOITES DE DEZEMBRO...*
ONDE ACHAR O CANTO NOVO,*
QUANDO A SAUDADE É FLAUTA SEM SOPRO?*
QUE VENHA O VENTO, *
LUAR E SONHOS MIL!*
ANO NOVO FELIZ!* ANO NOVO FELIZ!*
OS AMIGOS ESTÃO CHEGANDO*
NAS ASAS D0 CORAÇÃO!*
Finalmente Fevereiro é o mês! Estão nascendo mais duas crias do mundo blogueiro, graças ao empenho da amiga LOBA. Quem estiver interessado em adquiri-las, faça desde já a reserva pelo e-mail: lobamulher@uol.com.br Ou deixe seu e-mail nos comentários para que a LOBA possa fazer contato. Preço de cada livro, já com postagem para dentro do país: R$ 20,00

19 comentários:

LIno disse...

Ceci:
A Loba sempre funciona, para nós, como chefe da matilha. E agora, ela afirma que voltou definitivamente à ativa, o que é ótimo.

Anônimo disse...

vim matar saudades e você me ajudou a reacende-las.
Poesia simplesmente aconchegante.
Amei!
Miguel

Claudinha disse...

Ah, Lobinha é demais, já vou pedir o meu...
Beijos querida, que bom que apareceu!

Zeca disse...

Achei o canto novo
nas tardes de fevereiro
com a flauta sem sopro
rescendendo saudade
sem vento sul ou norte
mas com luar e sonhos mil!
Os amigos voltando
nas asas do coração.

Vou já-já ver a novidade da sempre amada Loba. Estou estreando hoje as "Janelas do Zeca". Timidamente a principio, mas pronto para deslanchar.

Beijos, beijos, beijos e saudades, muitas.

Zeca

adelaide amorim disse...

Olá, Ceci! Andava com saudades suas, sumida!
A Loba é incrível mesmo, não?
Beijo grande, e vê se não some mais, viu?

Preta disse...

Oi Ceci,
Como estarei indo ao Brasil em novembro se Deus me permitir, deixareientão para comprar o livro e recebe-lo por ai. Mas jé estou ansiosa para ler o mesmo.
Beijos

Saramar disse...

Ceci, que linda e doce música para o novo ano, os novos livros, os amigos todos.
Maravilhosa!

beijos e parabéns pelas "crias".

Anônimo disse...

Aos poucos vão chegando. Alguns silenciosos, outros estridentes. todos entoando o "canto novo", "a poesia da amizade". Amei o seu poema!

Beijos, carinho,
AdéliaTheresaCampos

benechaves disse...

Oi, Ceci: passando aqui pra ver as novidades e agradecer sua simpática visita. Um bom final de semana.

Um beijo de paz...

Loba disse...

Ceci querida! fevereiro já está pelo meio e nada ainda das nossas crias! eu já deeria estar acostumada aos imprevistos dos editores, mas não. ainda me deixam com urticária! rs...
adorei a composição. musical e bela!!!
beijocas mil!

Lau Siqueira disse...

E lá se vai fevereiro...

Loba disse...

pois é, amiga, fevereiro já virou março! tenho a impressão de que editoras funcionam em calendários diferentes do nosso! rs...
beijo e ótima semana, viu?

Zeca disse...

Cecizoca, querida.

Por onde anda você?

Pergunto pelas esquinas,
para as comadres nas janelas,
para o jornaleiro da calçada,
para o quitandeiro da sua rua,

até para os bêbados do bar
que fica no outro quarteirão.

Ninguém a viu, ninguém a vê.
Só sabem é que você,
ocupada como quê,
anda cantando uni-duni-tê.

Apareça, menina,
dê notícias, mostre o sorriso,
traga-nos um pouco de alegria.

Beijos. Carinhos. Saudade.

Crys disse...

Beijo Ce, pelo dia de hoje e por todos os dias que são sempre nossos.

Zeca disse...

FELIZ DIA INTERNACIONAL DA MULHER!

Beijos. Saudade.

dácio jaegger disse...

Um dia de excessão, como outro qualquer do gênero, o dia 8 de março tem um quê especialíssimo: a marca profunda que qualquer outra data não conseguiu, aglutinar todos em torno do ser Mulher.Abraço.

Anônimo disse...

Ceci:
Vim passear por tuas letras e deixar beijo de saudade e carinho...
Ah! Adorei o novo espaço!

Míriam Monteiro - http://migram.blog.uol.com.br

loba disse...

Querida, sumida!!! Saudades,viu?
Tá tudo bem?
Beijo grande

Jota Effe Esse disse...

Música e poesia trazidas pelo vento da inspiração, ficou lindo! Procuremos apoiar a Loba nessa árdua tarefa de gerar crias e esperar pela boa vontade dos editores. Meu beijo.